A ARTE POÉTICA DE CAZUZA EM CINCO FRASES MARCANTES

A ARTE POÉTICA DE CAZUZA EM CINCO FRASES MARCANTES

Na última quarta-feira, 4 de abril, Agenor de Miranda Araújo Neto (ou apenas Cazuza), o grande poeta da música brasileira, completaria 60 anos de vida. Falecido em 1990, aos seus breves 32 anos, o cantor ainda é lembrado por seu estilo irreverente, por suas letras politizadas e cheias de críticas, ou até mesmo pela sua simpatia.

Marcantes entre diversas gerações, as canções de Cazuza, tanto na carreira solo quanto no Barão Vermelho, prosseguem como hinos da música brasileira. Muitos sabem de cor, outros podem até cantar errado, mas o legado continua de pé. Dentre elas, separamos cinco versos impactantes que eternizam a musicalidade do cantor. Relembre abaixo:

1) “Exagerado”


2) “O Nosso Amor a Gente Inventa”

3) “O Tempo Não Para”

4) “Maior Abandonado”

5) “Todo o Amor que Houver Nessa Vida”

Por Rodrigo Brugnera

Comentários

Comentários